Quarta-feira, 9 de Março de 2011
O menino Nelinho

Ia começar este post tentando explicar a Pedro Arroja que a civilização (a nossa, pelo menos) conquistou a harmonia social não por interesse pragmático mas por necessidade de paz social numa lógica de justiça, sendo que o objectivo de qualquer narrativa político-ideológica é a paz social. A nossa sociedade evoluiu muito ao ponto de a lei do mais forte fisicamente já ser quase insignificante. É que se não fosse Pedro Arroja e o seu metro e cinquenta há muito que tinham levado duas estaladas. Acontece que há regras. E essas regras servem para todos, até para os mais baixinhos. Porque quem já viu Pedro Arroja sabe que falar em virilidade com ele é até, de certa forma, crueldade.

Mas, a certa altura, deparei-me com a referência à relação lésbica. É todo um programa. Vale a pena ler. Esta frase, por exemplo: "As zangas ocorrem frequentemente por motivos de dinheiro, duas mulheres juntas nunca se conseguem governar". Por momentos pensei: se calhar o Prof. Arroja é lésbica e teve uma má experiência a lamber carpetes. Às vezes aparece com cada Bin Laden... Enfim. Mas depois, reflecti mais um bocadinho e disse para comigo mesmo: ora, mesmo que o Prof. Arroja tivesse tido uma relação lésbica ele não poderia generalizar porque se calhar teve azar e não descobriu o amor verdadeiro e harmonioso.

Foi aqui que cheguei a uma conclusão. Lendo isto só se pode concluir que Pedro Arroja é uma pessoa sem harmonia interior. O facto de ser praticamente anão e ser pouco notável na rua faz dele mais pequeno que a sua própria mente e torna-o amargurado com a existência dos outros. É um homem triste, o puto que tem a bola mas não tem os amigos nem a alegria da rua. Quando comecei a escrever este post estava a rir. Agora tenho pena. Coitadinho.



publicado por jorge c. às 11:44
link do post | comentar | partilhar

Um blog de:
Jorge Lopes de Carvalho mauscostumes@gmail.com
pesquisa
 
arquivos

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

tags

todas as tags

blogs SAPO
visitas
subscrever feeds