Segunda-feira, 10 de Maio de 2010
Um impostor

Esperávamos todos um dia de celebração e esquecimento da realidade política e financeira. Pelos vistos, até Teixeira dos Santos que, coitado, tem de andar a desdizer-se por causa de José Sócrates. No fundo, tenho pena de Teixeira dos Santos que me parece um homem sério mas que, para sua infelicidade e total descrédito, juntou-se a um ser vaidoso, prepotente e irrealista para quem o que está em jogo é a sua "carreira política" (palavras suas, se bem se lembram).

 

Não é o aumento de impostos que chateia, de facto, mas sim a impostura que reflecte uma intransigência quase cega à qual se segue uma inversão.


tags:

publicado por jorge c. às 14:43
link do post | comentar | partilhar

2 comentários:
De Luis Melo a 10 de Maio de 2010 às 17:34
Jorge,

Há uns anos dizia o mesmo de FTS. Um homem sério, blá, blá... mas não o posso fazer agora. Mt pelo contrário.

Homem sério foi Campos e Cunha. Não foi contra os seus princípios para agradar ao chefe e ao partido. Foi-se embora.

Se fosse assim tão sério FTS já tinha feito o mesmo...


De Daniel João Santos a 10 de Maio de 2010 às 22:04
aproveitou para anunciar tal coisa com o pessoal distraído a comemorar.


Comentar post

Um blog de:
Jorge Lopes de Carvalho mauscostumes@gmail.com
pesquisa
 
arquivos

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

tags

todas as tags

blogs SAPO
visitas
subscrever feeds