Segunda-feira, 20 de Janeiro de 2014
lealdade

Por suprema ironia foi Teresa Leal Coelho, figura próxima do Primeiro-ministro, que em consciência faltou à votação sobre a proposta de referendo aprovada na passada sexta-feira e que se demitiu da direcção da bancada parlamentar. Teresa, leal a Coelho, compreendeu que a sua lealdade deve-se primeiro ao país, à democracia representativa e às instituições democráticas. À jogada mesquinha e perigosa do líder da bancada parlamentar do PSD, com a conivência do presidente do partido, reagiram outro(a)s deputado(a)s com declarações de voto, após votarem favoravelmente por imposição de disciplina de voto, violando assim a sua própria consciência e a lealdade ao povo que representam e que lhes confia a maior diligência no desempenho das suas funções. Ora, por mais incompreensível que seja a imposição de tal disciplina em questões de consciência e não instumentais, exige-se que prevaleça sempre essa lealdade e responsabilidade com a confiança do eleitorado. Não está aqui em causa estar ou não de acordo com a matéria. O que está aqui em causa é repudiar o procedimento.



publicado por jorge c. às 10:30
link do post | comentar | partilhar

2 comentários:
De Costa a 22 de Janeiro de 2014 às 01:11
Acreditando nas palavras do Prof. Marcelo Rebleo de Sousa, e na divulgação da acta da comissão política do PSD (22/10/2013), o apoio ao referendo e a disciplina de voto (coadoção) foram ali aprovados por unanimidade, estando Teresa Leal Coelho presente.
A referida senhora “terá” votado, no partido, a favor da realização de um referendo.
Depois, demite-se de Vice da bancada pelo facto de o partido ter votado a favor!
Podemos confiar em Teresa Leal Coelho?


De jorge c. a 22 de Janeiro de 2014 às 12:42
Costa,

O prof. Marcelo, em primeiro lugar, não é uma fonte credível em parte alguma do mundo como o tem vindo a demonstrar.
Em segundo lugar, Teresa Leal Coelho já explicou à comunicação social o que realmente se passou. Além disso, a senhora demitiu-se, não é propriamente uma coisa menor. É capaz de ser bem mais significativo do que a mitomania de Marcelo Rebelo de Sousa.


Comentar post

Um blog de:
Jorge Lopes de Carvalho mauscostumes@gmail.com
pesquisa
 
arquivos

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

tags

todas as tags

blogs SAPO
visitas
subscrever feeds