Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Manual de maus costumes

Manual de maus costumes

05
Mai11

2º dia no Estoril - Deus e o Rei

jorge c.

A tarde de ontem foi muito interessante. Tão interessante que acabou num grande concerto de Aloe Blacc na Aula Magna e eu nem tive tempo de vos pôr a par da excelente intervenção em apneia de Roubini que veio dar uma palestra sobre a crise financeira global (causas/efeitos/possíveis soluções) que possivelmente deixou Miguel Frasquilho muito desconfortável. Howard Dean também foi giro. Uma aula de pragmatismo e real politik depois da cantilena da manhã. Mas o que lá vai, lá vai e segue o segundo dia de Conferências.

 

Hoje tivémos uma manhã plena de dispersão estratégica. O tema eram os desafios e a governação global. Meia casa forte, como na festa brava, de onde salta uma boa prestação final de Carlos Lopes e de Sergey Karaganov. A crise financeira e o desenvolvimento económico andaram numa rodaviva atrás de uma participação global, mas fica claro que a complexidade é inimiga de soluções mágicas e dessa dispersão institucional estratégica. Um debate que poderia ter sido verdadeiramente interessante mas que pecou por ser confuso e mal mediado.

 

A grande expectativa estava em Larry King. Não vou falar da prestação de Mário Crespo que roçou o ridículo na tentativa de insinuar censura. Posso dizer apenas que, tal como outros companheiros da luta, fiquei um pouco desiludido. Uma conferência que andaria à volta dos desafios globais da democracia acabou por ser sobre Larry King. Mérito indiscutível para a sua capacidade de comunicação e de sedução. De assinalar a percepção da sua própria profissão, da sua evolução, com referências inevitáveis a Ted Turner e a Walter Cronkite; uma história sobre um entrevistado (polícia) e o míudo que o alvejou que emocionou a plateia; e uma descrição em pontos muito concretos daquilo que deve ser a habilidade jornalística em aprender para perguntar e voltar a aprender para voltar a perguntar. Sobre desafios globais... fica à vossa criatividade, não sejam preguiçosos.

 

A esta hora, olhando ali para baixo, vejo Deus sentado à espera que as pessoas cheguem. Numa clara manifestação de graxismo, a pontualidade de Rodrigo Moita de Deus (também blogger do 31 d Armada) diz muito da organização competente destas conferências.

 

Se o Bendfica me permitir, ainda hoje direi qualquer coisa. Sejam amigos.

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Um blog de:

Jorge Lopes de Carvalho mauscostumes@gmail.com

Links

extensão

  •  
  • blogues diários

  •  
  • media nacional

  •  
  • media internacional

    Arquivo

    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2013
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2012
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2011
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2010
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D