Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Manual de maus costumes

Manual de maus costumes

14
Out10

Uma nova aurora

jorge c.

Quando Guevara chegou ao Chile viu uma América Latina diferente mas com muitas semelhanças. Talvez por isso tenha confundido aquilo que é uma proximidade cultural com patriotismo (no seu caso, um conceito muito mais amplo e extensível a toda a América Latina).

Hoje, pela manhã, enquanto ouvia os mineiros chilenos a cantar o seu hino ("Puro Chile...") julgo ter sentido o mesmo que Guevara - que Deus Nosso Senhor me perdoe - quando se apercebia que as pessoas gostavam mesmo da sua identidade e que o amor pela Pátria era o da sua vontade de uma Pátria melhor para todos. Este sentimento eu compreendo. Ele reflecte uma identificação com o meio e uma necessidade de o preservar e desenvolver.

Os símbolos da Pátria são as marcas de uma pertença. Mas mais do que isso são a certeza de um objecto. Quando ignoramos os símbolos ou os desprezamos é sinal que perdemos o amor próprio, que já não sabemos distinguir entre o que é a Pátria e aquilo que fazem dela. Pela madrugada, enquanto saíam os últimos mineiros, entoou-se o hino do Chile porque, apesar de uma certa desumanidade, aqueles latino-americanos, como a grande maioria dos outros, têm um orgulho imenso na sua identidade e na sua nacionalidade. Ao saírem maravilharam-se com uma nova aurora.

Chesterton escreve em Tremendas Trivialidades: "O mundo nunca morrerá à fome por falta de maravilhas, mas apenas por falta de se maravilhar". Compreendo que haja hoje, em Portugal, gente cansada e desgostosa. No entanto, que não confundamos aquilo que é a Pátria com aquilo que fazem dela. Não nos deixemos morrer por falta desse deslumbramento.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Um blog de:

Jorge Lopes de Carvalho mauscostumes@gmail.com

Links

extensão

  •  
  • blogues diários

  •  
  • media nacional

  •  
  • media internacional

    Arquivo

    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2013
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2012
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2011
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2010
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D